quinta-feira, 21 de julho de 2011

Pacientes serão acompanhados pelo Cartão Nacional de Saúde a partir de 2012.



A partir do próximo ano, o histórico de atendimento dos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) poderá ser acompanhado por qualquer unidade de saúde em todo o país. O número do Cartão Nacional de Saúde (CNS) será obrigatório para que instituições de saúde realizem procedimentos ambulatoriais e hospitalares pelo SUS. A portaria com as novas regras foi publicada hoje (21) no Diário Oficial da União. Além disso, os profissionais de saúde terão de registrar os contatos do paciente para que a Ouvidoria do SUS possa, por exemplo, estabelecer um acompanhamento da satisfação do usuário. De acordo com o Ministério da Saúde, a implementação dessas ferramentas faz parte de uma estratégia para oferecer um atendimento integral ao cidadão e acompanhar a qualidade do serviço prestado. Em maio, o ministério publicou portaria que regulamentou o Sistema Cartão Nacional de Saúde, por meio de um número único válido em todo o território nacional. Para o secretário de Gestão Estratégica e Participativa do Ministério da Saúde, Odorico Monteiro, a medida vai gerar mudanças no relacionamento do SUS com os cidadãos. Os profissionais de saúde deverão incluir na ficha de registro de procedimentos ambulatoriais e hospitalares o endereço eletrônico e o telefone dos pacientes. Além de aperfeiçoar a identificação dos usuários, os dados ajudarão o Ministério da Saúde a monitorar os serviços oferecidos pelo SUS. Por meio da ouvidoria ativa, por exemplo, o ministério pretende pesquisar o nível satisfação dos usuários com o atendimento recebido.

Informações: Agência Brasil - Fonte: Tribuna da Bahia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desfile cultural Em Ichu (semana cultural 2011)

Terceiro Arraiá da Independente FM